Como seria sua vida se não existisse o celular

De acordo com dados da União Internacional de Telecomunicações (UIT), existem atualmente mais de 6 bilhões de assinaturas para telefones celulares em todo o mundo. A China, o país mais populoso do planeta e muito conhecido pelos famigerados aparelhos “Xing-Ling”, é também o detentor do título de número 1 em clientes de telefonia móvel. Segundo a pesquisa do instituto, são mais de 1 bilhão de pessoas assinantes do serviço dentre os seus 1.345.750.973 habitantes.

Divididos pelos tipos de planos disponibilizados ao redor do globo, a presença dos aparelhos em números são os seguintes:
  • Pré-pagos: 70%;
  • Pós-pagos: 30%;
  • Pessoas on-line através dos aparelhos: 2,3 bilhões;
  • Conexões móveis: 1,1 bilhão. O dobro da modalidade fixa;
  • Telefonia com banda larga: Crescimento anual de 41%.

Números impressionantes e cada vez mais crescentes em nossa sociedade.

Mas e se não existissem os telefones celulares?

Como seriam realizadas as atividades do cotidiano moderno, sem todos os aplicativos disponíveis?

Como seriam feitas as trocas de e-mails e mensagens?

E os joguinhos tão conhecidos e viciantes, como Angry Birds entre outros?

E quanto a nossa vida digital sem as atualizações nas redes sociais: Twitter, Facebook etc?

Como ficaria tudo isso?

Você consegue imaginar sua vida sem esta "ferramenta" multiuso chamada: telefone celular?

Pensando nessa possibilidade quase inimaginável, uma empresa americana do ramo de tecnologias móveis, disponibilizou um vídeo onde é possível idealizar – de uma forma muito divertida e criativa – como seria o mundo moderno se não houvesse os celulares e smartphones. Quais seriam as consequências e o que aconteceria com os eventos que se tornaram tão comuns nos dias atuais. Confira:

Postagens mais visitadas deste blog